quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

"Vão"
Quis a vastidão vã do vazio freneticamente
preenchido pelo movimento do nada
em espirais ascendentes de borbotões de seres vivos.
Quis. Mas dei com a fria sensação do vasto vazio.
O mais vasto e frio, o frenesi do nada,
Em cachões espiralados de viva decadência.
Quase dei com a demência das vivas e
frenéticas palavras, quando escapam ao ser,
aos cachões, aos borbotões, em espirais de nadas.
Nada. É o que quis e encontrei na sensação
de que o vazio é a vastidão, tão vasto que as palavras
nele escapam em movimento, ascendente e vão. (Leandro Tripodi, 2009)

Nenhum comentário:

http://i470.photobucket.com/albums/rr65/srmpp/lilas.jpg

http://i470.photobucket.com/albums/rr65/srmpp/lilas.jpg

AbcBlogs

Site certificado
Voos baratos
voos baratos
voli low cost