terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Uma sexta maluca

Esse texto não é meu, foi escrito pelo "Filho" em 30 de Novembro de 2010.
Decidi postar aqui...

O que dizer sobre o que me aconteceu essa sexta passada…loucura…. Já fiquei com a mente verde algumas vezes desde então e fico a pensar o que motivou tudo aquilo. O chão sumiu dos pés, a mente turvou, as coisas aconteceram…loucamente, intensamente, sem amarras. Foi muito massa…. As pessoas que me lêem, meus seguidores fiéis, entendem esse tipo de coisa. Estamos todos sujeitos. Quando uma ventania nos arrasta em outra direção e não temos como nos segurar, o negócio é deixar levar…. Deixar acontecer, sorrir no fim. Pensar sobre o assunto…hmmm…pode ser depois?Amanhã?Quem sabe depois de amanhã, como dizia Fernando Pessoa? Já que o amanhã já está perto, que tal pensar nisso depois de amanhã? Que tal nem pensar? Muitas coisas em vista, tudo por fazer. Lembrar sorrindo o ontem, viver o hoje e antecipar o amanhã. Sem cobrança do que virá. Só esperando que essa ventania me tire do chão de novo….


6 de Dezembro de 2010

Quase quatro da manhã. E decidi ficar acordado. E repensando, com a mente verde, esses últimos dez dias. Estou no meio de um turbilhão, de mudança de vida, trabalho e ainda veio a tal ventania. Muitos turbilhões para uma semana só. Corto alguns. Acho que o vento como veio, também vai. E ficam as marcas da sua passagem.
Porque o Mundo É Grande Demais Para Se Nascer e Morrer no Mesmo Lugar.
Pablo Neruda

Hoje estou p.. da vida...

Muito puta da vida, com certas pessoas e com muitas coisas. Estou um verdadeiro "live wire". Portanto, não me toque!
Estou sem paciência, sem tolerância, sem sentimento (afinal, se eles são como eletrodomésticos, é só desligar, né? Então, desliguei!!) Enfim, sem emoção alguma...uma chatice só!
Me diz o que alguém tem na cabeça para ficar passando trote depois de grandinho, hein?
Por que existe gente que insiste em discutir assuntos sobre os quais não tem a mínima noção?
Onde fica a Holanda mesmo? América Central? :o
Por que tem gente que não perde a oportunidade de ficar quieto e faz declarações simplesmente desprezíveis?
Por que tem gente que quer ser o que não é?

E o pior de tudo... por que temos que dividir a mesa de nossa casa com pessoas intragáveis?

Acho que posso ir para o ceú!!!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Psycho Killer - Talking Heads

I can't seem to face up to the facts
I'm tense and nervous and I can't relax
I can't sleep, 'cause my bed's on fire
Don't touch me I'm a real live wire

Psycho killer, qu'est que c'est
Fa Fa Fa Fa Fa Fa Fa Fa Fa Far Better
Run Run Run Run Run Run Run awaaaaaaaaay,
Psycho killer, qu'est que c'est
Fa Fa Fa Fa Fa Fa Fa Fa Fa Far Better
Run Run Run Run Run Run Run awaaaaaaaaay...

You start a conversation you can't even finish it
You're talkin' a lot but you're not sayin' anything
When I 've nothing to say my lips are sealed
Say something once, why say it again?

Ce que j'ai fait, ce soir la
Ce qu'elle a dit, ce soir la
Réalisant mon espoir
Je me lance vers la gloire...
We are vain and we are blind
I hate people when they're not polite

peu de dialogue

Parfois, elle pense en français...

- Salut
- Salut. Comment allez-vous?
- Je vais bien. Merci. E vous?
- Je vais très bien.
- Comment t'appelles tu?
- Je m'appelle Vivian.
- Enchanté. Je suis Pierre.
- De même.
- Quelle est votre profession?
- Je suis professeur. Parlez-vouz Anglais? Je ne parle français.
- Ouí...I can speak English.
- Thank God..It was killing me!!!


Be continued...

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Feliz Natal, Próspero Ano Novo e bla bla bla..





Olá amados amigos,
vocês já devem ter recebido dezenas de e-mails de Feliz Natal, Boas Festas, Próspero Ano Novo etc etc...Por isso, não quero estender esta simples mensagem.
2010 foi um excelente ano para mim, de muito crescimento pessoal e profissional também! Agradeço primeiramente a Deus, minha família e a vocês, que, direta ou indiretamente, participaram dele. Por outro lado, não acredito que essa data seja específica para tal, mas, sim, todos os dias. A nossa falha é deixar para dizer coisas "bonitas" nessa época somente.
Como prometi, não vou escrever muito. Um ótimo Natal a todos e um excelente 2011. Por que não ressuscitar sonhos e planos para o novo ano que se aproxima? Espero ter a oportunidade de compartilhar muitas realizações deles com vocês... perto ou longe, não é?

Um forte abraço...cheio dos melhores desejos!!!


Vivian Ribeiro

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Tenho medo do Google!!!

Que é Google é uma "mãe" ninguém tem mais dúvida. Mas o que me assutou hoje foi descobrir que se você digitar "Quis a vastidão vã do vazio freneticamente" no google, o meu blog é o segundo link que aparece... ; O
Duvida? Faça um teste.


A rede social ( The social network)




Críticos dos EUA indicam " A rede social" como melhor filme do ano...

Como já era de se esperar..a novidade ainda não chegou à cidade maravilhosa ( apelido carinhosamente dado a Taubaté/ Tremembé pelo meu amigo Washington). Então, numa quarta-feira chuvosa, nos dirigimos a São José dos Campos para ver qual que era a do filme.

Eu, Vivian, na minha humilde opinião, não acredito na afirmação com a qual abri o texto. Mas vamos lá, considerando a época e a influência do FaceBook em nossas vidinhas, o filme é bem...hum..pertinente. Apesar dos diálogos rápidos que confundem a cabeça, trilha sonora talvez um pouco exagerada, dá para acompanhar bem a história da criação do site e os processos judiciais pelo qual seu criador passa. Mesmo sendo um pouquinho cansativo... Andei "googlando" por aí e vi que Mark Zuckerberg, o geniozinho, não deu contribuição nenhuma para o filme. Pior, ainda contesta fatos, como por exemplo, o término coma namorada ser a "fonte de inspiração" para a criação do Face ( face é só para os íntimos, okay??).
Uma coisa boa sobre o filme é a direção de David Fincher, o mesmo de O curioso caso de Benjamin Button. Porém, o elenco é fraquinho, o que dá a deixa para Justin Timberlake roubar a cena como o malandrão Sean Parker.
Outra coisa importante no filme é que, talvez inconscientemente, os componentes da sociedade do site mostram na prática como funcionam as inteligências múltiplas, de Howard Gardner ( se quiser saber mais, fale comigo e te mando um arquivo em ppt bem legal). Não posso deixar de fazer uma "criticazinha", né? Super considero os sites de relacionamento ( Facebook, Orkut, My Space etc), pois já fiz boas amizades
( outras nem tão boas assim) e já consegui muuuta ajuda na hora de viajar, mas o que é nocivo é o tempo e a importância que isso toma na vida de alguns...Gente, sem alienação, please!!

Uma confissão: como diz o filme, é muito bom conhecer alguém interessante na balada/festa/barzinho e depois manter contato através do Facebook, não é, não? rs...

Bom, sobre o filme, é isso. Não é o filme do ano, mas vale a pena ver. Sugestão: se for ao cinema, vá na quarta, assim você paga meia e fica com menos peso na consciência, rs.

Well, folks..."Facebook Me": Vivian ViRibeiro

Onde está Deus?

Talvez essa seja a pergunta mais constante e mais antiga da humanidade. E antes que você pense, eu não vim aqui para falar de religião. Eu mesma sempre me pergunto: Onde está Deus?
Alguns dizem que Ele está em imagens de barro;
outros dizem que Ele está dentro das igrejas, templos, mesquitas e afins;
já outros afirmam que Ele está na natureza, nos bichinhos, no sol, na lua e até nas estrelas;
outros diriam que ele está na ciência;
alguns mais abusados diriam que Ele está em amuletos, medalhinhas e tudo que possa amarrar ao corpo, principalmente ao pescoço;
outros, ainda, juram encontrar Deus nas cartas, búzios e tarô;
e a lista não tem fim... Não mesmo!!!
Não estou aqui para julgar nem para criticar, longe disso. Vim compartilhar algo que sinto e acredito. Há alguns dias troquei a academia por algo mais agradável, como correr/ caminhar ( mais caminhar, rs) no parque. Era um belo e quente fim de tarde, no qual eu me via correndo cercada pela natureza. Foi quando olhei para o céu, que estava azul claro, azul escuro e até avermelhado e o mais lindo de tudo : o pôr do sol. Aquilo me encheu de algo que não sei explicar o que é. Só sei que vi e senti a magnitude de Deus ali, naquele momento. Um sorriso aflorou em meus lábios e só pude dizer: Obrigada, Pai!
E o que quero dizer nessa postagem é que rotulamos Deus, Seu poder, Sua sabedoria, grandeza e perfeição. Não confunda o que estou escrevendo com panteísmo...Não!!! Mais uma vez, o que quero dizer é que Deus está em nós, no ar que respiramos, no universo e em todos os lugares...basta sentir. Tão simples e complicamos tudo!! Queremos discutir explicar, provar, argumentar...ah pelo amor de Deus...E Deus é isso, então? Isso que muitos fazem por aí? Não, eu SEI que não é.
Aí, pode vir um ateu e querer desfazer tudo que eu disse aqui e mais um pouco. Hey? Ateísmo é falta de...de ...conhecimento, talvez? ( Só estou querendo ser gentil!)

Volto para "Onde está Deus", que é o título do texto. Não, eu não posso responder também. Mas você pode, para si próprio. Esteja certo disso. E olha, ninguém precisou "pregar" nada disso para mim, não. Sabe por quê? Porque Deus está além diiisso tudo aí!
Como dizem, Ele é O CARA!!!

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Sneeuw


Enquanto isso ...lá na Holanda...

O caçador de recompensas (The bounty hunter)



Gênero: Comédia romântica (onde???)


Bom, eu nunca fui fã da Jennifer Aniston. Na minha opinião, a única coisa que ela sabe fazer bem é "pegar" galãs famosos (Brad Pitt e John Mayer!!!); como diz meu amigo Ro, na verdade ela nunca superou o fora que levou do primeiro..tadinha. Porque atuar, de verdade, não é com ela. A atriz americana repete as caretas que está acostumada a fazer desde Friends (ninguém aguenta mais), no qual atuava como escada para as piadas dos demais. Não é por acaso que ela não emplacou como atriz dramática: seu repertório é mínimo... e quando seu diretor não exige nada então, fica ainda pior. Já Gerard Butler limita-se a reprisar seu personagem em A Verdade Nua e Crua, o machão sedutor. Com essa disposição, em momento algum eles fazem rir, tarefa relegada aos personagens secundários, que também não conseguem ( saudades dos 300, rs).
Bem, já era esperado que a qualidade de O Caçador de Recompensas fosse baixa. O trailer é ruim e a trama parecia besta e previsível. Pois bem, todas as expectativas estão confirmadas. Milo é um caçador de recompensas cuja próxima vítima é sua ex-mulher Nicole, uma jornalista que está investigando um caso suspeito de suicídio. Quando Milo prende Nicole, uma sucessão de confusões acontece, além do fato de que ambos precisam lidar com o fato de se odiarem pelo péssimo casamento que tiveram.

O filme não funciona em nenhum dos gêneros em que se situa. Como comédia romântica, é previsível, com diálogos medonhos e infantis, e com personagens sem profundidade nenhuma. Para piorar, não é engraçado. Como filme de ação, Caçador de Recompensas tem cenas clichês e pouco emocionantes. Por último, o pequeno pedaço sobre a investigação de um suicídio simplesmente não funciona. Não se tem ideia do que está sendo investigado e realmente ninguém se importa com a trama paralela. Uma pena que o diretor Andy Tennant não tenha se baseado em Hitch (dirigido pelo mesmo) para fazer um bom entretenimento.

As pessoas que gostam do previsível cinema de humor romântico hollywoodiano irão adorar este filme ( Difícil!!!). Se você estiver esperando por algo de qualidade, passe longe.

Quer saber? O filme me irritou profundamente!!!

domingo, 19 de dezembro de 2010

Unknown caller

December, 18. Saturday, 06:03 pm.
The cell phone is ringing...she answers it and Juan Antonio says:
- Good evening, Vicky. I think of you every single day of my life.
- I've been thinking of you lately too...she says.
- Ok, I'll call you later.

And that was all. It seems like they will never be apart.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Counting Down....



94 days...
It seems a lot, but it is not.. (hehe..it rhymes!)

Tudo pode dar certo (Whatever works)





Fico em dúvida sobre como começar...já sei: Da perspectiva cristã, o filme não é bem quisto...at all!! Deixando isso de lado, há muita coisa boa no filme, afinal..é um Woody Allen. E também não é um filme para te fazer sentir bem. Ou seja, quem não gosta de Allen, não é nessa obra que vai gostar!!!

Mas vamos à história: Boris Yellnikoff (Larry David), físico que quase ganhou o prêmio Nobel e fracassou numa tentativa de suicídio, ganha a vida ensinando crianças a jogar xadrez. Mas ele não tem lá muita paciência e costuma ofender as crianças. Trata-se de um personagem amargurado com a vida e que, basicamente, despreza a raça humana (ele diz, por exemplo, que o cristianismo e o socialismo eram bons no papel, mas falharam porque cometeram o erro de acreditar que o homem era essencialmente decente). Mas, uma noite, enquanto volta ao seu apartamento, ele depara com Melody St. Ann Celestine (Evan Rachel Wood). A garota, que está perdida em NY, pede para ficar no apê de Boris ao menos por uma noite. O que acontece depois é previsível. Allen não apela e Boris não vai se tornar um homem melhor porque está apaixonado pela ninfeta caipira. Esse fiozinho de história faz com que Woody Allen desfile suas melhores piadas, principalmente aquelas que só um judeu pode fazer (como uma em que o personagem principal diz que todos os pais responsáveis deveriam levar seus filhos para passar férias em campos de concentração). Ah, sem mencionar a família da moça, que aparece depois e tudo vem à tona.
Boris, que em vários momentos do filme, quebra a quarta parede e conversa com o público ( adoro essa sacada!). Mas, como Melody reflete em outra sequência, o latido dele é mais forte do que a sua mordida. E isso vale tanto para o personagem quanto para o filme, que é, sim, leve e gostoso. Daqueles que você assiste com um sorrisinho no rosto quase que o tempo todo. Apesar dos pesares...

A ressaca




Eu não sei porquê cargas d'água eu fui assistir a esse filme. Aliás, eu sei sim. Ao ver o título em Português, A ressaca, ( Titulo original em Inglês " Hot Tub Time Machine") fiz uma analogia à excelente comédia " Se beber, não case" ( The Hangover) e resolvi dar uma chance à essa merda..ops..filme.
Não vou gastar tempo nem dedo com isso: Simplesmente ruim...Não assista! Mas há um cara que gosto muito e vou fazer um ctrl +c ctrl v aqui, com as algumas adaptações minhas, claro...rs Se não adaptar, não sou eu! Tudo é adaptável, no fim das contas.

Só mesmo de cabeça feita alguém pode achar alguma graça nesta bobagem sobre velhos amigos, que costumavam formar quando adolescentes, uma bandinha de rock pop e agora já maduros, vão passar um fim de semana numa estação de inverno onde há anos se apresentaram. Mas todos deram errado na vida, estão gordos, desesperançados, na chamada crise do meio da vida. Acredite, eu estava bebendo vinho com minha irmã..e nem assim!Só que há alguma coisa de mágico solto por lá e o veterano Chevy Chase é que faz o sujeito que consertaria as coisas nos quartos dos heróis, de forma que, quando eles caem no banheiro quente do terraço, essa jacuzzi acaba virando uma máquina do tempo que os leva novamente ao passado e a juventude, ainda que fiquem com a cara antiga, os outros os veem jovens.É uma ideia tão absurda que poderia mesmo dar certo, caso fosse mais engraçada e o elenco fosse melhor. É outro daqueles filmes onde os atores parecem estar se divertindo mais do que público e tudo acaba resvalando para uma pornochanchada nem especialmente ousada. Enfim, piece of shit!!

Isso foi Rubens Ewald Filho e eu, Vi. ; )

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A IMPONTUALIDADE DO AMOR (By Martha Medeiros)

Você está sozinho. Você e a torcida do Flamengo. Em frente a tevê, devora dois pacotes de Doritos enquanto espera o telefone tocar. Bem que podia ser hoje, bem que podia ser agora, um amor novinho em folha.

Trimmm! É sua mãe, quem mais poderia ser? Amor nenhum faz chamadas por telepatia. Amor não atende com hora marcada. Ele pode chegar antes do esperado e encontrar você numa fase galinha, sem disposição para relacionamentos sérios. Ele passa batido e você nem aí. Ou pode chegar tarde demais e encontrar você desiludido da vida, desconfiado, cheio de olheiras. O amor dá meia-volta, volver. Por que o amor nunca chega na hora certa?

Agora, por exemplo, que você está de banho tomado e camisa jeans. Agora que você está empregado, lavou o carro e está com grana para um cinema. Agora que você pintou o apartamento, ganhou um porta-retrato e começou a gostar de jazz. Agora que você está com o coração às moscas e morrendo de frio.

O amor aparece quando menos se espera e de onde menos se imagina. Você passa uma festa inteira hipnotizado por alguém que nem lhe enxerga, e mal repara em outro alguém que só tem olhos pra você. Ou então fica arrasado porque não foi pra praia no final de semana. Toda a sua turma está lá, azarando-se uns aos outros. Sentindo-se um ET perdido na cidade grande, você busca refúgio numa locadora de vídeo, sem prever que ali mesmo, na locadora, irá encontrar a pessoa que dará sentido a sua vida. O amor é que nem tesourinha de unhas, nunca está onde a gente pensa.

O jeito é direcionar o radar para norte, sul, leste e oeste. Seu amor pode estar no corredor de um supermercado, pode estar impaciente na fila de um banco, pode estar pechinchando numa livraria, pode estar cantarolando sozinho dentro de um carro. Pode estar aqui mesmo, no computador, dando o maior mole. O amor está em todos os lugares, você que não procura direito.

A primeira lição está dada: o amor é onipresente. Agora a segunda: mas é imprevisível. Jamais espere ouvir "eu te amo" num jantar à luz de velas, no dia dos namorados. Ou receber flores logo após a primeira transa. O amor odeia clichês. Você vai ouvir "eu te amo" numa terça-feira, às quatro da tarde, depois de uma discussão, e as flores vão chegar no dia que você tirar carteira de motorista, depois de aprovado no teste de baliza. Idealizar é sofrer. Amar é surpreender.
"Vão"
Quis a vastidão vã do vazio freneticamente
preenchido pelo movimento do nada
em espirais ascendentes de borbotões de seres vivos.
Quis. Mas dei com a fria sensação do vasto vazio.
O mais vasto e frio, o frenesi do nada,
Em cachões espiralados de viva decadência.
Quase dei com a demência das vivas e
frenéticas palavras, quando escapam ao ser,
aos cachões, aos borbotões, em espirais de nadas.
Nada. É o que quis e encontrei na sensação
de que o vazio é a vastidão, tão vasto que as palavras
nele escapam em movimento, ascendente e vão. (Leandro Tripodi, 2009)

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

A lista

Adoro fazer listas... lista de supermercado, lista de coisas a fazer, lista de prioridades e outras listas aí...

Descobri (outra mega coincidência!!!) que a namorada de Kurt Cobain, Tracy,
deixava para ele uma lista de tarefas para fazer e ,mesmo sem realizá-las, escrevia ao lado de todas "I do". Isso é usado na música que citei na postagem anterior.. Juro que não sabia e vim falar sobre as minhs listas..mas esqueci o que ia falar, uma vez que não fiz uma lista.

About a girl

Ela tinha a seguinte lembrança: ele sentado à mesa, segurando seu violão. Ela ao lado, pensando no nada...no que fazia ali. Talvez ela não deveria estar ali. Sua única testemunha era John Lennon, na capa daquela revista na mesa, aquela verde revista.Enquanto ele cantava para ela, com seus olhos verdes...ou seriam azuis?


I need an easy friend
I do... with an ear to lend
I do... think you fit this shoe
I do... but you have a clue

I'll take advantage while
You hang me out to dry
But I can't see you every night
Free, I do...

I'm standing in your line
I do... hope you have the time
I do... pick a number too
I do... keep a date with you


E a canção dizia tudo...

E eram felizes...

Boicote




Se tem uma coisa que me irrita muito é a folhetagem no trânsito. Você está indo atrasado para o trabalho, aquele caos no trânsito e aquele calor insuportável de Taubaté. Obviamente, sei da liberdade de imprensa e tals, mas e a liberdade dentro do meu carro??? Hein???
Ainda estou para ver o primeiro ser humano que gosta de receber toneladas de folhetos no semáforo. Que atire a primeira pedra..D-U-V-I-D-O!!!

Aí, você me diz: Vivian, simplesmente não aceite, oras...Simples assim. Ok, simples mesmo, mas acho que as pessoas que estão entregando não têm culpa de nada, o que acaba sendo falta de educação para com elas. Então, sugiro um boicote geral. Se todos os motoristas pararem de aceitar os folhetos, as empresas cessarão esse tipo de propaganda, não acham? pronto, falei...!!!

Hey!

Tem muita coisa acontecendo por aqui..e por ali também. E ao som de 16 toneladas e Nirvana vou dar uma atualizada aqui.
Estou oficialmente desempregada! Yes! Foi uma decisão necessária para as coisas que estão por vir..e quanta coisa!
20 de março é o dia D... Holanda, aí vou eu! Foi o dia que Deus escreveu no livro da minha vida..e quando Ele escreve, pode saber..Vai acontecer!

20 de novembro foi meu aniversário, yeah, 24...OMG! E eu não pude comemorar de melhor forma!! ( Fotos no Facebook e Orkut, para quem ficou curioso!).

2010 já está dando tchau e eu amo essa época do ano. Não por causa das luzinhas na cidade e do consumismo, não!!! É porque me sinto realizada, pois mais um ano de conquistas se finda e tenho a sensação de missão cumprida ou não. Digo que sim, tenho essa sensação agora, 2010 foi um ano de crescimento, conhecimento, encontros e muita coisa resolvida!! Em vários aspectos, rs. Em 2010, conheci muita gente interessante, que quero guardar para sempre comigo. Conheci muita coisa boa de musica e cinema e, também, lugares que queria visitar. Não tenho do que reclamar, obrigada meu Deus. Venci a maior barreira: eu mesma!

E assim termino essa postagem, com auto-estima lá em cima e sorriso no rosto. Mas calma, ainda temos 18 dias. Que venha 2011, com cabeça e coração lá na Europa!!!

Eindhoven e Alexander: só penso em vocês ( as usual...hehe)

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Something's missing

E com essa canção de fundo, ela sabia que realmente algo estava faltando...
mas também sabia que não podia sentar nas escadas segurando seu coração na mão.
Ela gostava de ver o amor, de sentir e viver. Mas sempre haveria Hank, sempre haveria Becca.
Ainda sim, something's missing. What's that?
Era estranho como o amor a fazia sofrer, mas era o amor, nãe era? Nada poderia ser pior do que nunca tê-lo encontrado, mesmo que num stud guy.

Mas de verdade, não, ela não acreditava no amor.
Contraditório, não? Mas como poderia o amor não ser?

Almoço..

Almoçar na sua fresca cozinha recém reformada acompanhada do Bono ( seu Labrador) era o que ela mais gostava nos últimos dias.

domingo, 5 de dezembro de 2010

A word is dead
When it is said,
Some say.
I say it just
Begins to live
That Day.


Emily Dickinson (1830-1886)

Heavier Things

One night, I went through heavier things...however, all of them had come from the past. I don't know why they were there, just in front of me. I could have punched them, but I didn't, a japanese guy has cooled me down.
I'm a high flying bird and and I've heard that only women bleed, yeah..maybe.

I'm a rocket girl..let me fly!

Californication - Tree Adams & Tyler Bates - Hank's Theme FULL

I guess it could be my theme song...Sometimes...



sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Lei Áurea

Em 1888, a princesa Isabel assinou a Leu Áurea no Brasil, que foi a abolição da escravatura no Brasil.
Em 02 de dezembro de 2010, Vivian também assinou a sua própria abolição!!!

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Little John

Teacher says:
- John, can you name three kings that have brought peace and happiness into people's life?
-Sure, drinKING, smoKING and fucKING.

Dia down com ventania...

Some of us, we're hardly ever here. The rest of us, we're born to disappear
How do I stop myself from being just a number???
How will I hold my head to keep from going under???

Down to the wire, I wanted water but I'll walk through the fire, if this is what it takes to take me even higher. Then I'll come through, like I do when the world keeps
testing me...yeah, testing me...

How did they find me here?
What do they want from me?
All of these vultures hiding right outside my door...
I hear them whisperin..They're tryin to ride it out
They've never gone this long without a kill before.

Wheels up!!! I got to leave this evening.
Can't seem to shake these vultures out of my trail.
Power is made, by power being taken..
So I keep on running
To protect and control my situation .

Vivian, Whatcha gonna do about it ?
Whatcha gonna do about it ?
Whatcha gonna do about it?


I dunno...let me see...I feel like a crap.. I don't feel good.
V de..Ventania? Nããããão, de Vivian mesmo.


Green State, maybe...

http://i470.photobucket.com/albums/rr65/srmpp/lilas.jpg

http://i470.photobucket.com/albums/rr65/srmpp/lilas.jpg

AbcBlogs

Site certificado
Voos baratos
voos baratos
voli low cost